17

A conheceu no bar.
Ele estava só. Não havia sido um bom dia.
Ela estava acompanhada, mas sozinha também.

A pergunta que se faz é:
Por que buscar consolo em alguns copos de bebida?
Será a vida tão simples a ponto de solucionar-se seus
problemas tomando algo com gosto forte pra esquecer?

E a resposta é: Sim.
Problemas nada mais são do que más lembranças.
Tão esquecíveis como as chaves de casa.

Estavam lá. Esbarraram-se quando ela deixou cair o cartão.
Estava prestes a ir, mas os olhos d’le a convenceram a ficar.
Não eram nenhum dos dois lindos. Eram como eu e você.
Conversaram bobagens por toda a noite.

E ao final, com o bar quase fechando aperceberam-se:
Como podiam nunca antes terem se conhecido?
E se despediram.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s